Categories

Most Popular

Veja os cuidados para evitar o tártaro em cães e gatos

cuidados para evitar o tártaro em cães e gatos

O tártaro em cães e gatos, também chamado de cálculo dentário é um problema muito sério. Ele surge, devido a falta de limpeza regular nos dentinhos do pet. Por isso, é indispensável cuidar com frequência da saúde bucal do seu filho de patas!

Neste post, você vai conferir muitas dicas importantes que podem ajudar na prevenção do tártaro. Confira!

Quais os sintomas do tártaro em cães e gatos? 

  • Mau hálito muito forte
  • Dentes muito amarelados  
  • Dentes com aspecto escurecidos
  • Gengiva inflamada  
  • Problemas digestivos  
  • Pet estressado  
  • Animal com dificuldade para se alimentar ou que está rejeitando comida. 

Caso perceba algum sintoma no seu “miuamigo” ou “cãopanheiro”, marque uma avaliação com o veterinário de sua confiança. Assim, ele fará uma avaliação e saberá a melhor maneira de cuidar do seu peludinho.

Como evitar que meu pet tenha esse tártaro?  

Do mesmo que nós devemos ter higiene com nossos dentes, os pets também precisam desse cuidado. 

Pois o tártaro em cães e gatos, surge por falta da limpeza de seus dentes. Sendo assim, uma das formas mais eficientes de preveni-lo é a higienização regular dos dentinhos do peludinho! 

  • Escovar os dentes do animal ajuda a prevenir tártaro 

Só para ter uma ideia, os restos de comida que ficam na boca do animal são um “prato cheio” para a proliferação de bactérias. Ou seja, sem uma limpeza regular, esses microrganismos alimentam-se das sobras de comida e se multiplicam. Com isso, surgem as placas bacterianas que formam o tártaro.   

O cálculo dentário, como também é chamado, ainda causa irritação na gengiva e problemas na raiz dos dentes. Portanto, se não for devidamente tratado pode se agravar e levar infecções a outros órgãos do bichinho.   

Por isso, a escovação é indispensável para a saúde dos cães e gatos. O acompanhamento com um médico veterinário também é de extrema importância.

  • Frequência da escovação 

A escovação em cães e gatos pode ser feita uma vez por semana e iniciada quando filhote.   

O ideal é já iniciar quando esses animais são filhotes, porque assim eles já vão se acostumando ao hábito da escovação. Afinal, eles não colaboram muito e não entendem a importância da higienização. Esse é um papel para os tutores se conscientizarem.  

  • Produtos para escovar os dentes do pet 

Existe creme dental próprio para escovar o dente do animal, que é vendido em lojas de petshops. Já o tipo de escova precisa ser macia.   

Mas, não devemos usar creme dental humano nos animais. É totalmente contraindicado, escovar os dentes de cães e gatos com as pastas de dentes que nós usamos. Eles possuem flúor entre outros itens, que são prejudiciais ao animal.   

Além disso, também existem escovas, enxaguantes bucais, sprays e comprimidos específicos para essa finalidade.

O que fazer se o seu cão ou gato estiver com tártaro 

Somente o médico veterinário é capacitado para realizar o devido tratamento, que é a limpeza do tártaro. Esse procedimento só pode ser feito em clínicas veterinárias, pois envolve: avaliação médica, exames e procedimento específico.    

Quando não é feito o tratamento adequado, o animal fica exposto a ter uma série de doenças bucais.  Além disso, se a doença não for tratada pode levar infecções a outros órgãos do bichinho, como fígado e coração.  

Sendo assim, levar o cão ou gato ao veterinário regularmente faz toda a diferença!

Vale lembrar que, a escovação semanal ajuda na prevenção caso o animal não esteja com tártaro. Quando ele já está com esse problema, apenas os cuidados do veterinário irão ajudar!

    Deixe um comentário

    Your email address will not be published.*