Categories

Most Popular

O que o ronronar do gato significa?

Por que o gato ronrona

Com certeza você já ouviu aquele barulhinho que seu filho de 4 patas faz quando está recebendo algum carinho. 

Esse ronronar é para demonstrar emoções que os felinos estão sentindo. Elas podem ser tanto sensações boas como ruins! Por isso é importante ficar sempre de olho no momento que seu pet está ronronando para saber exatamente o que ele está sentindo.  

Veja o que diz a ciência sobre o ronronar dos gatos:

Existe uma variedade de motivos que levam os felinos a ronronarem. Isso também pode acontecer quando eles estão com medo ou se sentindo ameaçados, por exemplo.

Geralmente, os gatos ronronam ao receber carinho ou cócegas, mas não só nessas situações. Elas podem ser tanto sensações boas quanto ruins. O ronronar é uma das formas que os felinos têm de demonstrar as emoções que estão sentindo.   

Pesquisas apontaram que tudo começa no cérebro dos gatinhos: 

Um sinal neurológico é enviado repetitivamente para os músculos da laringe do felino. O mais provável é que o barulho vem dos músculos na laringe do gato. Conforme eles se movem, dilatam e contraem a glote – a parte da laringe que cerca as cordas vocais – e, assim, o ar vibra toda vez que o gato respira. O resultado? Um ronrom. É por isso que o peito do bichano parece conter um motorzinho – muitas pessoas acreditam, erroneamente, que o som é sinal de que o bicho tem asma.

Apesar da ciência ter certeza hoje de que esse é o processo que produz o som, não há uma resposta definitiva para o que aciona essa resposta. A maior pista é um oscilador neural que fica nas profundezas do cérebro felino.

  • Comunicação e bem-estar:

Gatos domesticados também podem usar o ronronar como forma de comunicação com seus donos humanos. Um estudo da Inglaterra, mostrou uma variação no ruído dos gatos semelhante ao do choro de um bebê. Isso levou Karen McComb, que liderou a pesquisa, a acreditar que os gatos podem se “aproveitar” do instinto humano de alimentar seus filhos para conseguir comida mais rapidamente. 

Já a cientista Elizabeth Von Muggenthaler acredita que o ronronar pode ser um processo terapêutico para o próprio gato. Ela diz que o som pode aliviar dores, auxiliar no crescimento ósseo e cicatrizar feridas. Além disso, o barulho melhoraria a respiração do animal, além de ajudar na recuperação de músculos e tendões.   

  • Saúde do homem:   

Alguns pesquisadores da Universidade de Minnesota, nos EUA, acreditam que os humanos também se beneficiam com o ronronar de seus bichinhos. Eles acreditam que os gatinhos são os animais mais eficientes para o controle de estresse humano e para a redução da pressão arterial de seus donos, se comparados com outras espécies. 

    Deixe um comentário

    Your email address will not be published.*