Categories

Most Popular

Os pets e os riscos de plantas tóxicas na primavera

Os pets e os riscos de plantas tóxicas na primavera

A primavera começou oficialmente na última segunda-feira, dia 23 de setembro e termina em 21 de dezembro. A estação tem início com o fim do inverno e é tipicamente associada ao reflorescimento da flora terrestre.

Apesar de ser a estação mais colorida e bonita do ano, este é um período em que precisamos redobrar a atenção com os pets!

Isso porque os animais experimentam as sensações com a boca, apreendendo e mordendo tudo o que veem pela frente, principalmente os filhotes. É exatamente por isso, que os tutores precisam estra aletras: alguns itens podem que causam intoxicações e alergias, como adubos, produtos utilizados no controle de pragas e até mesmo algumas plantas.

Primavera sem riscos para o seu filho de patas!

Você ama ter várias plantinhas em casa? Cuidado! Se você tem pet é preciso ficar de olho, pois algumas plantas que são muito comuns nos jardins do Brasil são tóxicas para os nossos companheirinhos de pelos e patas!

O princípio ativo tóxico destas espécies pode concentrar-se nas folhas, nas flores, frutos e no látex (seiva branca que escorre das plantas quando machucadas), em alguns casos também nas suas raízes. Ou seja, para causar problemas de saúde para seu filho de patas, nem é necessário que ele faça a ingestão da planta. Por isso, o cuidado deve ser total quando há muitas plantas na residência.

Já os adubos industrializados não são tão atraentes aos animais, mas todo cuidado é pouco.

Então, confira abaixo alguns vegetais que podem oferecer riscos aos pets!

Algumas das principais espécies de plantas tóxicas aos animais de estimação:

1) “Comigo ninguém pode” – causa irritação nas mucosas;

2) “Espada de São Jorge” – provoca dificuldade de respiração e movimentação;

3) “Tomate verde” – pode causar diarreia e arritmias;

4) “Lírio” – irrita garganta e olhos do pet, além de gerar alterações renais e neurológicas;

5) “Copo de Leite” – causa dor severa e obstrução da garganta;

6) “Poinséttia” – também conhecida como flor de Natal é muito perigosa. Ela pode provocar inflamação, dor, dificuldades na visão, irritação nas mucosas, vômitos e diarreia.

Outros vegetais tóxicos ao pets:

  • Azálea
  • Antúrio
  • Bico de papagaio
  • Calandium ou tinhorão
  • Ciclâmen
  • Coroa-de-cristo
  • Costela-de-Adão
  • Cheflera
  • Crisântemo
  • Dracena
  • Espirradeira
  • Filodendro
  • Hortênsia,
  • Trombeta de anjo
  • Mandioca brava
  • Mamona
  • Avelós, entre outras.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Fique de olho!

O recomendado é manter fora de alcance todas as plantas e flores que possam causar intoxicação ou alergias no seu animalzinho. Entretanto, o melhor mesmo é evitar tê-las em casa! Além disso, é preciso ter cuidado ao podar as plantas que eliminam látex e evite deixar os galhos em local onde o animal tenha acesso.

Deixe sempre água à vontade para o seu animal, pois, se ele tiver privação de água, pode procurá-la nos jardins e nos vasos ou mesmo comer plantar na procura de água.

Se você tem muitas plantas em casa, então faça uma vistoria e coloque-as em um local fora do alcance do seu peludinho!⠀⠀⠀

    Deixe um comentário

    Your email address will not be published.*